Por trás das roupas: Nova página do Instagram compartilha histórias de trabalhadores

Instituto C&A em 24 de novembro de 2017

O Instituto C&A lança sua página no Instagram retratando os trabalhadores da indústria da moda pelas lentes de cinco fotógrafos

A partir de hoje, o Instituto C&A inclui o Instagram (@instituto_cea) ao conjunto de canais de mídias sociais Twitter, Facebook e LinkedIn. A nova página traz histórias de trabalhadores da indústria da moda contadas pelas lentes de cinco fotógrafos em países onde atuamos.

“Atuamos nos últimos anos na linha de frente com fotógrafos em Bangladesh, Índia, Brasil e México, criando uma galeria de imagens deslumbrantes,” diz Stephanie Klotz, Gerente de Comunicação Global do Instituto C&A.

“Através das lentes de nossos fotógrafos, conseguimos compreender as pessoas com quem trabalhamos e sentimos que era o momento certo de compartilhar essas imagens e histórias como uma homenagem às mulheres e aos homens tão esforçados que existem no coração desta indústria.”

Stephanie Klotz

Os fotógrafos levaram um tempo conhecendo as pessoas por trás dos retratos, conversando com elas sobre suas histórias, sonhos e aspirações antes de pegar a câmera. “O resultado é uma vibrante coleção de fotografias que lançam luz sobre as pessoas afetadas pelas decisões que nós, e nossa indústria, tomamos todos os dias”, afirma Stephanie.

Nos dois primeiros meses de lançamento, a página do Instagram irá compartilhar imagens selecionadas de cinco fotógrafos. As primeiras fotos divulgadas são de um fotógrafo de Bangladesh, Mahmud Rahman, que documenta o nosso programa para melhorar as condições de trabalho em Bangladesh. Seu foco é a vida das pessoas, visitando-as em seus locais, as confecções em Dhaka, e em suas casas.


Os cinco fotógrafos a serem apresentados nos dois primeiros meses são:

  •             Mahmud Rahman, Bangladesh: tem documentado nossa atuação para melhorar as condições de trabalho nas confecções em Dhaka.  Em suas fotos ele nos dá uma visão mais clara das esperanças e lutas dos trabalhadores das confecções de Bangladesh. Instagram: @mahmudphotodhaka
  •             Ryan Lobo, Índia: fotógrafo, cinegrafista, escritor e contador de histórias. Ryan fez vídeos e fotos de mulheres e meninas que participam do nosso programa para erradicar o trabalho escravo e o infantil.  Instagram: @ryanlobo
  •             Erick Astudillo, México: fotógrafo multitalentoso que também atua em arquitetura. Ele não apenas registrou a vida dos operários no México como também das mulheres da iniciativa “Mulheres que Inspiram”, que apoia artesãs indígenas em Chiapas. Instagram: @erick_astudillo
  •             Dinesh Khanna, Índia: suas imagens do Taj Mahal tornaram-se famosas em todo o mundo. Dinesh é o fotógrafo que trabalha com o Instituto C&A há mais tempo e conseguiu construir relações duradouras com os produtores de algodão orgânico de nosso programa. Ele os acompanha em seus lares, em celebrações tradicionais da Índia, e tem registrado cada passo da safra do algodão.  Instagram: @photoyatri
  •             Tatiana Cardeal, Brasil: atua com questões relacionadas a meio ambiente, cultura e direitos humanos. Tatiana registrar nossas iniciativas no Brasil.  Ela acompanha nossos funcionários voluntários em suas ações, está junto aos produtores de algodão no campo e aos bolivianos que trabalham na indústria da moda, capturando momentos em seus lares e nas confecções. Instagram: @Tati_cardeal