Relatório cria nova visão para o desperdício na indústria da moda

Instituto C&A em 11 de janeiro de 2018

O novo relatório da Ellen MacArthur Foundation – A new textiles economy: Redesigning fashion’s future (Uma nova economia têxtil: Redesenhando o futuro da moda) – traz uma visão positiva para um novo tipo de economia na indústria têxtil. O documento, desenvolvido em parceria com o time global do Instituto C&A, foi apresentado no fim de 2017, em Londres, no Reino Unido. 

Na visão apresentada pelo estudo, as roupas seriam desenhadas para durar mais, seriam usadas com maior frequência e facilmente alugadas, revendidas e recicladas e não liberariam toxinas ou poluiriam o meio ambiente. Mas para criar essa nova economia têxtil, o documento aponta que é preciso explorar novos materiais e modelos de negócios pioneiros, aproveitar o poder do design e encontrar formas de desenvolver melhores tecnologias e soluções. “A indústria têxtil de hoje tem por base um modelo linear ultrapassado, do tipo ‘extrair, fazer e descartar’, o que gera enorme desperdício e poluição. O relatório apresenta uma visão ambiciosa de um novo sistema, baseado nos princípios da economia circular, que oferece benefícios à economia, à sociedade e ao meio ambiente. Precisamos do apoio de toda a indústria", diz Ellen MacArthur, fundadora da instituição homônima.

“O relatório apresenta uma visão ambiciosa de um novo sistema, baseado nos princípios da economia circular, que oferece benefícios à economia, à sociedade e ao meio ambiente. Precisamos do apoio de toda a indústria.”

Ellen MacArthur, fundadora da Ellen MacArthur Foundation

“O que me empolga com relação ao documento é que ele oferece soluções para uma indústria que gera enorme desperdício e poluição ao meio ambiente e apresenta um roteiro para que possamos criar melhores negócios e um melhor ambiente. Ele abre o debate que nos permitirá encontrar uma maneira de trabalhar em conjunto para melhorar nossa indústria, para o futuro da moda e para o futuro do planeta", diz Stella McCartney, estilista e apoiadora da iniciativa .

A criação de uma nova economia têxtil é um grande desafio para a indústria da moda e exigirá um nível de colaboração sem precedentes. Os líderes da indústria, incluindo H&M, Lenzing e NIKE Inc., tendo o Instituto C&A como patrocinador filantrópico, endossam a nova visão e o relatório, com o qual eles têm contribuído, juntamente com mais de 40 marcas influentes no mundo da moda, empresas líderes, ONGs, órgãos públicos e especialistas. A consultoria McKinsey & Company colaborou com pesquisas e análises.

Agora, a Ellen MacArthur Foundation está convocando toda a indústria para apoiar essa nova visão e lançar uma onda de colaboração e inovação entre os setores para alcançá-la. Ao apresentar um claro entendimento dos desafios enfrentados e das oportunidades econômicas, bem como medidas práticas de negócios, inovação e ação política, o relatório é um passo importante em uma abordagem para desenvolver um sistema têxtil global adequado ao século 21.

Para mais informações ou para baixar o relatório, clique aqui. O documento está disponível em inglês.